Harmonização

Queijos e vinhos: harmonizações com brie e camembert

Harmonização / 3 min

21 de maio de 2019

Os queijos de pasta mole, como o brie e o camembert, têm sabor intenso e consistência cremosa e são uma ótima opção para ser utilizados em risotos, massas ou apreciados em uma noite de queijos e vinhos. Porém, você sabe quais tipos são recomendados para essa harmonização?

A seguir, listamos alguns dos vinhos que podem harmonizar bem com os queijos brie e camembert. Continue a leitura!

1. Tintos claros

É muito comum que os queijos como o brie e camembert sejam servidos com um acompanhamento doce, como geléias de fruta. A partir dessa ideia, podemos associar esses alimentos com bebidas que têm as mesmas características.

É o caso dos vinhos tintos claros, como o Pinot Noir. Considerada a mais clara das uvas tintas, essa bebida traz uma grande potência de aromas que remetem a frutas vermelhas frescas, geleias e flores, característica deve casar muito bem com esses queijos.

Uma sugestão é o Montgras Reserva Pinot Noir 2016, que revela aromas de cerejas frescas, taninos macios, e uma acidez excelente para cortar a untuosidade presente nos alimentos.

Dica: na hora de servir o queijo, tome cuidado para não exagerar na geleia. Isso pode estragar sua harmonização e fazer o vinho parecer mais tânico.

brie camembert

2. Vinhos brancos

A combinação entre vinho e queijo brie ou camembert também é válida para as uvas brancas. Para isso, é necessário escolher bebidas de corpo mais leve e com uma intensidade aromática média, ou elas poderão sobrepujar as nuances dos alimentos.

brie camembert

A uva Sauvignon Blanc, nesse caso, servirá perfeitamente. Com aromas leves de frutas e flores, e acidez moderada, esse vinho é capaz de não se sobrepõe aos sabores dos queijos e gerar uma excelente harmonização.

Um bom rótulo para isso é o Santa Helena Reservado Sauvignon Blanc 2018. Seu paladar é fresco e seus aromas trazem notas de frutas tropicais.

Se o intuito for utilizar os queijos como ingredientes em um risoto ou fondue, escolha vinhos brancos mais encorpados. Isso porque o prato terá mais gordura e cremosidade, elemento que a acidez leve do Sauvignon Blanc pode não acompanhar. A uva ideal para essa ocasião é a Chardonnay, mais aromática e com um final de boca mais longo.

3. Espumantes

Os queijos são alimentos gordurosos, e a acidez presente nos vinhos é a capaz de neutralizar essa característica, limpando o paladar entre um pedaço e outro. Por essa razão alguns tipos de espumantes podem formar uma boa combinação.

As borbulhas têm um papel importante na harmonização entre queijos e vinhos, e para brie e camembert serão necessários rótulos com essa característica bem presente.

É o caso de um Chardonnay como o espumante sul-africano Pongrácz Brut. Em seus aromas, é possível encontrar notas de maçã verde e pão fresco, e no paladar traz taninos macios.

brie camembert

A harmonização entre queijos e vinhos deve respeitar tanto as características do alimento quanto da bebida. Ao escolher queijos brie e camembert, é necessário que sua bebida tenha acidez e certa complexidade de aromas.

Para receber outras dicas exclusivas de harmonização, assine nossa newsletter!

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *