skip to Main Content
Guia De Uvas: Descubra Os Vinhos Da Uva Syrah

Guia de uvas: descubra os vinhos da uva Syrah

Se você é um enófilo, é provável que já tenha tomado um vinho da uva Syrah. Trata-se da sétima casta mais cultivada no mundo, e mesmo tendo nascido na França, se adaptou bem em diversos países.

Quer entender a história e as características dessa uva e algumas dicas sobre harmonização? Leia nosso post até o fim!

Origem

A Syrah é considerada uma das principais uvas cultivadas no Vale do Rhône, região vinícola muito conhecida da França. Entretanto, não se sabe ao certo qual a sua origem e a partir de quando começou a ser cultivada.

Muitos historiadores acreditam que a uva tenha se originado na Grécia, Egito, Chipre ou no Irã. Entretanto, pesquisas de DNA indicam que, de fato, a Syrah se desenvolveu na França.

De acordo com a geneticista da Universidade da Califórnia Carole Meredith, a Syrah surgiu a partir do cruzamento das uvas Dureza e Mondeuse blanch, castas que praticamente só são encontradas entre as vinhas francesas.

vinho uva syrah

Não se sabe ao certo quando sua vinificação começou dentro do próprio Vale do Rhône, porém há indícios que os vinhos de Syrah já eram produzidos desde o século 17.

Um momento determinante para o desenvolvimento da casta foi sua exportação para a Austrália em meados de 1830. Hoje, os vinhos da uva Syrah (conhecida como Shiraz na região) então entre os principais do país.

Além de França e Austrália, outros países, como Espanha, Argentina, África do Sul, Estados Unidos e Chile, têm produzido rótulos de Syrah de ótima qualidade.

Syrah ou Shiraz

Se você tem dúvidas se o nome correto da uva é Syrah ou Shiraz, não se preocupe, pois ambos estão certos! O primeiro trata-se da versão francesa e é muito utilizado no Velho Mundo; já o segundo foi criado pelos australianos e costuma ser usado em vinhos do Novo Mundo.

A origem provável da grafia Syrah é uma referência à cidade de Siracusa, na região da Sicília. Foi fundada pelos antigos gregos, e por muito tempo acreditou-se que eles foram os primeiros a fazer vinhos com a casta.

Seu outro nome é uma adaptação do primeiro. Quando foi levada à Austrália, ela era chamada pelo nome Scyraz, adaptada para a linguagem local. Com o tempo, essa grafia tornou-se Shiraz, graças ao sotaque australiano.

A diferença no nome pode indicar as características que você encontrará no vinho. É comum que os vinhos grafados como Syrah sejam mais tânicos e com aromas mais rústicos. Já nos rótulos em que a uva é chamada de Shiraz, é comum que sejam mais aromáticos, frutados e menos encorpados.

Características do vinho Syrah

Os frutos Syrah têm uma coloração roxo-azulada intensa. Quando comparados a outras castas similares, como Cabernet Sauvignon e Malbec, as uvas são ligeiramente maiores.

Se você aprecia bebidas com bastante personalidade, corpo intenso, coloração escura, taninos bem presentes e acidez moderada, os vinhos da uva Syrah são uma excelente opção.

Podem oferecer em taça aromas e sabores de frutas negras como mirtilo, jabuticaba e amora bem maduros, quase em estado de geleia. Os rótulos com passagem por barrica também apresentam notas de tabaco, chocolate, especiarias e ervas.

A Syrah também é uma casta muito utilizada em blends, especialmente quando os enólogos querem gerar um corpo mais intenso, porém sem abrir mão de características de outras uvas.

Dica: entenda as nuances dos vinhos tintos

Você sabia que é possível analisar algumas características do vinho segundo a aparência? Confira abaixo algumas dicas para saber o que a bebida pode oferecer em taça de acordo com a sua tonalidade.

Harmonização

Por ser um vinho com grande intensidade nos sabores e aromas, é necessário escolher pratos com potência equivalente.

Se você deseja fazer uma boa harmonização com carnes, experimente beber uma uma taça de Syrah acompanhada de cortes bovinos ou suínos com uma boa quantidade de gordura, o que deve amaciar os taninos no paladar. Carnes de caça ou pernil de cordeiro também são uma ótima pedida, especialmente com vinhos mais rústicos.

Para temperar, você pode utilizar desde especiarias a ervas frescas, pois isso trará uma similaridade aromática com o vinho. Os rótulos do Novo Mundo também vão muito bem com pratos levemente apimentados.

vinhos uva syrah

Já na hora de escolher queijos, prefira os de massa semi-dura ou dura como parmesão, grana padano e gouda. Uma harmonização muito comum é com o abbaye de belloc, um queijo francês feito de leite de ovelha com sabor potente e complexo.

Por fim, massas com molho de carne como ragu e bolonhesa casam muito bem com a intensidade de sabor dos vinhos da uva Syrah. Lembre-se de temperá-los bem para que os sabores se aflorem durante a degustação.

 

Harmonização
Carnes carnes bovinas e suínas grelhadas; carnes de caça e pernil de cordeiro
Massas e risotos com ragu de carnes, pasta alla norma
Queijos parmesão, grana padano, gouda, abbaye de belloc

 

ClubeD

Se você gosta dos vinhos da uva Syrah, conheça o ClubeD, o clube de vinhos do Divvino! Ao assinar, você recebe mensalmente vinhos premiados escolhidos por sommeliers e winehunters.

Clique no banner abaixo para saber mais!

vinhos syrah

Back To Top Pular para o conteúdo